01 novembro 2010

Minhocão

A imbecilidade parece nascer de grotões escondidos do ser humano. Quando pensamos haver resolvido certas questões, criado certos consensos, eis que vem um refluxo desse pântano.

O lado bom é que isso serve para rediscutir temas e aprofundar mais ainda certos detalhes que, por serem humanos, nunca se resolverão (e nisso, há uma beleza e uma tristeza).

Vimos há pouco a demissão absurda da Maria Rita Khel do Estadão.
Assistimos perplexos à falta de discussão acerca da obra de Nuno Ramos, na Bienal
Agora vemos vir à tona a proposta de acabar com o que há de mais interessante atualmente na região central de SP: os grafites do minhocão.

Todos parecem concordar que o minhocão estragou a região, mas não parece consenso que os grafites auxiliam na dura realidade de quem sofre as reais consequências dessa obra.
De fato, ao contrário do que eu acreditava, o grafite não é aceito unanimemente. E nunca será, pois tem em sua essência a eterna contestação dos valores urbanos sedimentados.
Uma das vozes a favor desse projeto do Kassab é o blog 'museu do minhocão', que se incumbiu de uma tarefa digna (a documentação dos grafites nos muros do minhocão), mas que na verdade pouco entendeu do grafite. Esse blog vai ao extremo do conservadorismo do grafite e acaba por se confundir com o extremo do conservadorismo anti-grafite.
Leiam esse texto: Lavagem do Minhocão II. Não seria essa uma das atitudes mais radicais e interessantes vigentes hoje naqueles muros? Será que aquele blog não entendeu nada? Tirem suas próprias conclusões...

Eu sou a favor do fim do minhocão. Mas que nos deixem os seus muros, e sem tinta anti-grafite...

7 comentários:

Daniel Scandurra disse...

qual é a atitude radical que vc ta dizendo? a de pintarem de bege algumas partes dos grafites?

Lucas disse...

No caso, sim. Mas existem outras formas, ainda bem.

castanho disse...

acho interessante esse pintar de bege tbm, não? abrir espaco no entorno, confundir as fronteiras, de começo e fim. e esse blog é, de fato, esquisito. é da prefeitura?

Daniel Scandurra disse...

quem ta pintando de bege?! acho interessante, misterioso demais... não acho q seja a prefeitura...
quem será o responsável por essa curadoria anonima?!
na dr. arnaldo também tem um muro (em frente o finado "dormeacorda") em que esta rolando isso, tem alguns grafites que sobrevivem as pinturas e outros não. muito LOUCO ISSO.

castanho disse...

hahahah, Muito. não, a prefeitura de fato não é. Nossa, fiquei curiosa agora, interessante esse lance de curadoria anonima. a se pensar e repesar e...

Duas Cores disse...

O minhocao e "um macaco veio", antigo, que vem sendo apagado a mais de 10 anos atras. Nao existe nehuma novidade na cidade de Sao Paulo. O lance e invadir os predios e fazer graffitis nos picos. O lance a pintar muitos trens e invadir a cidade de Sao Paulo de t-ups e protestos.

A cidade de Sao Paulo nao tem dono. Todos querem um pedacinho, mas nesta populacao extremamente grande os que tem masi quantidade irao se sobresair.

Daniel Scandurra disse...

quantilidade
qualintidade